MedLevensohn palestra sobre uso de testes rápidos na SAHE 2019

Os preparativos para a SAHE – South America Health Exhibition – 2019, que acontecerá entre os dias 12 e 14 de março, já estão a todo vapor. Uma das parcerias para o próximo ano é com a MedLevensohn, distribuidora especializada em produtos para saúde e bem-estar, que atua há mais de 15 anos no mercado nacional. Durante o evento, a empresa trará a palestra “O uso de testes rápidos na prática clínica: potencialidades e desafios”, com Alexandre Chieppe, diretor Médico da MedLevensohn.

Quais serão os principais pontos abordados na palestra “O uso de testes rápidos na prática clínica: potencialidades e desafios”, que será realizada durante a SAHE 2019? 
Serão abordadas as características dos testes rápidos, vantagens da utilização dos testes rápidos na prática clínica, potencialidade do mercado de testes point of care e exemplos práticos da utilização de testes rápidos no diagnóstico de agravos de grande interesse para a saúde.

Como o Sr. avalia a importância de levar esses temas para os profissionais de saúde? 
Ainda existe muito desconhecimento entre os profissionais de saúde sobre a tecnologia dos testes point of care, no qual se inclui os testes rápidos. Eles ainda estão muito associados a uma visão de qualidade subótima, principalmente quando comparados aos exames laboratoriais convencionais, de bancada. Na realidade, os testes rápidos de última geração possuem sensibilidade e especificidade muito elevadas, permitindo que alguns, inclusive, sejam utilizados como teste de diagnóstico de diversos agravos. Portanto, estamos falando de uma tecnologia acessível e de excelente qualidade.

De que forma essas soluções podem contribuir para a gestão na área Saúde?
É essencial que profissionais e dirigentes da área de saúde tenham acesso a novas soluções na área de saúde. Soluções que podem ser de baixo custo e alto valor, na medida em que são capazes de impactar positivamente na saúde dos usuários do sistema de saúde, seja público ou privado. Os testes rápidos se inserem neste contexto. Ter a possibilidade de tomar uma decisão clínica com base em um resultado de um teste, realizado por profissional não especializado, em um ambiente não laboratorial e com grande confiabilidade é um exemplo concreto.

A palestra trará as potencialidades e desafios deste tema. Em sua opinião, quais são os principais desafios quanto ao uso de testes rápidos na prática clínica atualmente?
Um primeiro grande desafio é mostrar para os profissionais e dirigentes da área de saúde a qualidade e simplicidade de uso dos testes rápidos, evidenciando sua potencialidade para a melhoria da qualidade da assistência aos pacientes, na medida em que fornecem resultados confiáveis em poucos minutos. Além disto, por ser uma metodologia que não requer profissionais especializados e estrutura laboratorial para sua realização, o seu custo pode ser um grande atrativo. Outro desafio é incorporar os testes rápidos na rotina de serviços de saúde.

E quais são as potencialidades disso?
O mercado de testes point of care já representa, em alguns países, 30% do mercado de diagnóstico in vitro. No Brasil, apesar de ainda estarmos muito longe deste patamar, visualizamos um grande potencial de crescimento. A perspectiva em curto e médio prazo é muito boa. Exames que podem demorar horas ou dias para serem realizados podem ter o resultado disponibilizado em poucos minutos. Isto pode fazer uma grande diferença quando é preciso confirmar ou descartar um diagnóstico em que o início precoce do tratamento interfere no desfecho clínico. A consequência disto pode ser, por exemplo, a redução da morbidade e mortalidade associada a estes agravos. Além disto, unidades de saúde que não possuem laboratório podem se tornar mais resolutivas, na medida em que podem realizar o diagnóstico laboratorial de alguns agravos.

A palestra tem quais profissionais da saúde como público-alvo?
Todos os profissionais de saúde como médicos, enfermeiros, assistentes sociais e psicólogos. E também dirigentes da área de saúde!

Quais são as expectativas para a SAHE 2019?
A SAHE é uma feira muito focada em inovação, característica esta que se coaduna com a MedLevensohn e seus produtos, entre eles os testes rápidos. É uma grande oportunidade para apresentarmos soluções da empresa que possam gerar valor para a prática assistencial em saúde. Nossa expectativa é levar para o mercado de saúde produtos que tenham a possibilidade de melhorar a saúde da população brasileira, e nada melhor do que a SAHE para ajudar a concretizar este objetivo.

Mais informações:
Evento:  SAHE – South America Health Exhibition
Data: 12 a 14 de março de 2018
Local: Centro de Eventos Pro Magno, São Paulo
Contato: (16) 3629-3010 / eventos@grupomidia.com

Related Posts
CLIQUE AQUI E SELECIONE O IDIOMA